Com a palavra: A Mulher!

Dia 8 de março é comemorado o Dia Internacional da Mulher, data que muitos exaltam a força e garra feminina, quando se abordam temas sobre violência doméstica, igualdade de gênero e se prestam homenagens. Antes de qualquer coisa, somos seres humanos, com sonhos, dores e conquistas.


É como esse trecho da música de Erasmo Carlos: “Dizem que a mulher é o sexo frágil, mas que mentira absurda!”

Em nenhum momento da história a mulher foi frágil, até quando sua voz era calada, ou sua vida sofrida com trabalhos maçantes e remunerações vergonhosas, ela teve a força de suportar, de buscar alternativas dentro do que lhe era oferecido e também para lutar por condições melhores.


As mulheres que vieram antes de nós foram importantíssimas para conquistarmos a nossa independência, hoje penso que os homens sempre souberam do nosso poder, e por isso tentavam nos boicotar.


Acho que aos poucos as coisas vão se igualando, mas me diga qual homem daria conta de casa, filhos, trabalho, estudos e ainda de si próprio no século passado, quando as mulheres passavam por todas essas transformações?


E como escritora, não poderia deixar de falar de literatura: Clarice Lispector, Raquel de Queiroz, Jane Austen, Agatha Christie, Adélia Prado, Nélida Piñon, enfim, inúmeras mulheres na poesia, prosa, romances de todos os tipos e conhecidas mundialmente.


Na escrita, assim como em quaisquer outras áreas, que a mulher se dedicou, ela trouxe a sensibilidade em tudo que fez, por isso não há limites para suas conquistas.


De 2020 para cá, tenho me envolvido mais nos estudos literários e feito contato com mulheres inspiradoras na arte de escrever, recomendo que conheça: Vanessa Passos, Margarete Bretone, Anita Deak, Giovana Madalosso, Aline Bei, Monique Malcher e Sheyla Smanioto.


Eu tinha colocado o título desse artigo de: Sem clichês por favor, mas não tem como fugir dos mesmos quando o assunto é mulher e por isso mudei.


Somo fortes, guerreiras e merecedoras de nossas conquistas e um dia só nosso, mas caindo um pouco no clichê todo dia é dia da mulher.


Parabéns a minha mãe, tias, primas e amigas que são mulheres incríveis e inspiradoras!


Imagem: canva






15 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo